Filho de Amargosa, padre Geraldo Coelho aos 81 anos morre em Salvador

Após superar a Covid-19, o Pe. Geraldo Coelho de Almeida, SJ, filho de Amargosa, teve complicações que o levaram a uma insuficiência cardíaca e acabou falecendo nesta segunda-feira (11) em Salvador. A informação foi confirmada pelo Colégio Antonio Vieira.

Após a atuação no Colégio Antonio Vieira, o padre foi para a Europa, onde assumiu a função de reitor do Pontifício Colégio Pio Brasileiro em Roma, na Itália. Atualmente, estava à frente da Paróquia de São Cristóvão, no município de Capim Grosso, no interior baiano, onde os jesuítas mantêm obras sociais.

Um dos maiores estudiosos da história da Companhia de Jesus na Bahia, Pe. Geraldo, SJ, sempre acompanhou a trajetória do Vieira, mesmo quando estava em Roma, sendo muito querido e respeitado pelos alunos, familiares, professores, gestores e colaboradores em geral da instituição, com a qual mantinha uma relação de carinho de mais de 60 anos, como ele fazia questão de ressaltar. Ano passado, o padre foi um dos convidados especiais do Colégio na série especial comemorativa dos 120 anos do também ex-aluno ilustre Anísio Teixeira

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui