Felipe Neto exalta vandalismo da esquerda: “Fogo nos genocidas”

O Youtuber Felipe Neto, crítico veemente do governo Bolsonaro, usou as redes sociais na tarde deste sábado (24) para endossar um ato de vandalismo, ocorrido na Zona Sul de São Paulo. Ao compartilhar a notícia de que cerca de 20 pessoas atearam fogo em pneus na base da estátua do bandeirante Borba Gato, o influencer escreveu “Fogo nos genocidas”.

O Youtuber Felipe Neto, crítico veemente do governo Bolsonaro, usou as redes sociais na tarde deste sábado (24) para endossar um ato de vandalismo, ocorrido na Zona Sul de São Paulo. Ao compartilhar a notícia de que cerca de 20 pessoas atearam fogo em pneus na base da estátua do bandeirante Borba Gato, o influencer escreveu “Fogo nos genocidas”.

Nos comentários, internautas criticam a atitude de Felipe e do grupo responsável pelo ataque.

– Sim, vamos combater fascismo com mais fascismo kkkk. Boa Felipe Neto, que sabedoria – escreveu um internauta.

– Isso é de uma idiotice completa. Uma das grandes dádivas da história é que nos permite olhar para o passado e rever nossos atos – escreveu outro.

QUEM FOI BORBA GATO
Borba Gato foi um bandeirante paulista que no século 18 caçou indígenas e negros. Atualmente, o papel desses pioneiros na interiorização do país é conhecido e a condição de símbolo do Estado é questionada. Além de caçar, aprisionar e traficar a população indígena, há fartos registros de estupros e mortes.

Os bandeirantes eram homens que trabalhavam na região Sudeste com a exploração de minérios, escravização de indígenas e captura de escravos fugitivos no século 17. São Paulo estava na margem da colônia brasileira; foi, por muito tempo, uma região indígena e jesuítica, e veio a se urbanizar com maior intensidade apenas no final do século 19.

A estátua que representa o bandeirante Manuel de Borba Gato está situada entre as Avenidas Santo Amaro e Adolfo Pinheiro, também na Zona Sul. A peça de cerca de 13 metros de altura, contando o pedestal, esculpida em argamassa e trilhos, foi criada por Júlio Guerra (1912-2001) e concluída em 1963.

Propagandahttps://uploaddeimagens.com.br/images/003/150/661/original/4_Segundo.gif?1616686660

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui