Presidente do STF, Luiz Fux pode levar suspeição de Moro a plenário

Propaganda

Presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux estuda a possibilidade de levar ao plenário da Corte o julgamento da suspeição do ex-juiz Sérgio Moro, caso ele seja derrotado pela 2º Turma.

Advogados e juristas que defendem que Moro seja declarado suspeito dizem não se preocupar com a possibilidade. A tranquilidade se deve ao fato de quatro ministros da 2ª Turma já terem decidido que a anulação das condenações de Moro não impediriam o julgamento dele.

Propaganda

A ideia de Fux seria debater se a decisão seria válida mesmo depois de o ministro Edson Fachin anular as condenações do ex-presidente Lula (PT) — afirmando que, com isso, não faria mais sentido Moro ser julgado.

No plenário, segundo a coluna Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo, pelo menos mais dois magistrados se somariam ao grupo — tornando inútil eventual tentativa de Fux de reverter uma decisão contrária a Moro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui