Homem é preso suspeito de estuprar enteada por 11 anos na Bahia; outros 7 são capturados em operação contra abusos

Propaganda

Oito pessoas foram presas na Operação “Maria faz 14”, que investigava casos de violência doméstica e estupro na cidade de Juazeiro, no norte da Bahia, durante todo o mês de agosto. Um dos suspeitos detidos é um homem que estuprou a ex-enteada durante 11 anos.

De acordo com informações da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) do município, a vítima tinha 8 anos quando os abusos começaram. A mãe da jovem, que agora tem 19 anos, se separou do suspeito em 2017, depois de sofrer violência doméstica.

Propaganda

No entanto, o homem, que não teve nome divulgado, ameaçava divulgar fotos íntimas da jovem nas redes sociais, para evitar que ela denunciasse os estupros e para que ele continuasse a cometer o crime. A polícia detalhou que as imagens eram feitas pelo suspeito enquanto ele abusava da menina.

O homem foi preso na quarta-feira (26) e levado para o Conjunto Penal de Juazeiro. Na casa dele, um tablet foi apreendido e será periciado. A Operação “Maria faz 14” foi batizada em alusão aos 14 anos da Lei Maria da Penha.

As denúncias de crimes contra mulheres e crianças podem ser feitas pelo Disk 100, ou pela nova delegacia digital. Ainda segundo a Deam de Juazeiro, entre janeiro e julho do ano passado foram 731 ocorrências registradas, enquanto nesse ano, no mesmo período, foram 539 boletins feitos.

Operação foi deflagrada pela Deam de Juazeiro — Foto: Reprodução/ TV São Francisco

Operação foi deflagrada pela Deam de Juazeiro — Foto: Reprodução/ TV São Francisco

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui