Fernando Haddad desmarca reunião 2 vezes e irrita parlamentares, diz colunista

Propaganda
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, irritou deputados e senadores ligados ao setor de eventos ao desmarcar duas vezes uma reunião para discutir um programa de benefício fiscal ao setor. A informação é da coluna de Igor Gadelha, do portal Metrópoles.

De acordo com a publicação, o encontro estava marcado, inicialmente, para a terça-feira (6). No entanto, acabou remarcado para a quarta-feira (7) e, depois, desmarcado novamente, agora sem nova data definida.

Propaganda

A reunião teria como participantes a senadora Daniela Ribeiro (PP-PB) e os deputados federais Renata Abreu (Podemos-SP) e Felipe Carreras (PSB-PE), além de entidades do setor de eventos.

Os parlamentares querem discutir com a atual equipe econômica uma solução para o Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos (Perse), instituído pelo governo Bolsonaro em 2021 por conta da pandemia.

Em dezembro de 2023, porém, o governo Lula propôs o fim gradual do programa até 2025 por meio da medida provisória (MP) da reoneração da folha de pagamento.

Clima ruim com governo

Sob reserva, parlamentares que representam o setor avaliaram que, ao desmarcar a reunião duas vezes, Haddad demonstra não estar disposto a dialogar sobre o assunto.
A postura do ministro, dizem esses deputados e senadores, deve piorar o clima do Congresso com o governo, já afetado pelas críticas feitas pelo presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), ao Executivo.

A indisposição de Lira com o governo, inclusive, levou líderes partidários da Câmara a desmarcarem, na terça, reunião ampliada com Haddad para discutir a pauta econômica de 2024.
O presidente da Câmara, vale lembrar, defendeu a continuidade do Perse em seu discurso durante a sessão de reabertura do ano legislativo, na segunda-feira.

Outro lado

Procurada, a assessoria de imprensa do ministro da Fazenda informou que a reunião sobre o programa foi desmarcada por questões de agenda, mas será remarcada.
Assessores do chefe da equipe econômica ressaltaram que reuniões costumam ser desmarcadas com frequência no ministério por problemas de agenda e que isso não torna a pauta menos importante.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui