Desembargador que humilhou guarda municipal vai ganhar R$ 35 mil enquanto estiver afastado

Propaganda

Enquanto estiver afastado o desembargador, que ofendeu guarda municipal em Santos (SP) ao ser abordado por não usar máscara em local público vai continuar recebendo o salário de R$ 35,4 mil.

O afastamento do desembargador foi definido na última terça-feira (25) após determinação do CNJ (Conselho Nacional de Justiça). O órgão também abriu um processo administrativo-disciplinar contra o magistrado.

Propaganda

O CASO

No dia 19 de julho, o desembargador um guarda municipal na praia de Santos (SP) que o abordou exigindo o uso de máscara. Na ocasião, o desembargador chamou o funcionário de “analfabeto”, acionou o secretário de segurança pública para reverter a situação e rasgou o documento da multa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui